Mais um Airbus A220 tem uma falha em um de seus motores; declara emergência e aterrissa em Bordeaux
  • Joalisson Costa

Mais um Airbus A220 tem uma falha em um de seus motores; declara emergência e aterrissa em Bordeaux

Um Airbus A220-300 da airBaltic declarou uma emergência após sofrer uma falha no motor. O avião havia acabado de decolar quando sofreu a falha, a tripulação seguindo procedimentos padrão, desviou para o aeroporto mais próximo, declarando a emergência e posteriormente aterrissando em segurança no Aeroporto Internacional de Bordéus.




O avião estava operando o voo BT677, que partiu do Aeroporto Internacional de Riga, na Letônia, com destino à Malaga International, na Espanha. O avião estava subindo de FL370 para FL390 quando a falha foi registrada.


O Escritório de Pesquisa e Análise para Segurança da Aviação Civil (BEA) da França delegou esse "incidente grave" ao Conselho Nacional de Segurança em Transportes (NTSB), uma vez que este não é o primeiro incidente desse tipo que acontece com o um A220.


Em outubro de 2019, a Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA) emitiu uma diretiva de aeronavegabilidade (AD), que solicitava que a potência do motor fosse reduzida para 94% acima de uma altitude de 29.000 pés.


Segundo o fabricante do motor Pratt & Whitney, eles estão trabalhando em uma atualização no software do motor e informam que a mudança estará pronta na 1º semestre de 2020. Aparentemente, o mau funcionamento do software atual está gerando vibrações inesperadas no reatores, o que poderia causar danos ao motor.



O que era rápido, melhorou! Seja exclusivo, cadastre o telefone (83) 98216 1600 e receba as notícias mais lidas do Mega Aviação pelo seu WhastApp. Adicione na sua lista de contato, mande um "OI", e automaticamente você será cadastrado.