FAB tem aeronaves capazes de combater incêndios
  • Joalisson Costa

FAB tem aeronaves capazes de combater incêndios



A Força Aérea Brasileira ( FAB ), tem aeronaves capazes de atuar diretamente no combate a incêndios florestais. Com o Sistema Modular de Combate ao Incêndio Aeroembarcado, os aviões C-130 Hécules podem levar até 12 mil litros de água em um único voo. Recebida ordem, o equipamento pode ser instalado em poucas horas. Contudo, até o momento, não há ainda qualquer confirmação de que o Governo Federal fez esse pedido para combater os incêndios na região amazônica.


A missão já foi realizada com sucesso tanto no Brasil quanto no exterior. Em 2017, mais de 500 mil litros de água foram lançados de um C-130 brasileiro na província de Bío-Bío, no Chile. Em 2015, a missão foi na Chapada da Diamantina, na Bahia, envolvendo 252 mil litros de água. Em 2017, mais de 90 mil litros foram despejados na Chapada dos Veadeiros, em Goiás.


Foto: Força Aérea Brasileira


O sistema de combate a incêndio, também conhecido pela sigla MAFFS ( Modular Airborne Fire Figthing System ), é composto por cinto tanques de água. Dois tubos projetam-se pela porta traseira do C-130 e, a uma altitude média de 150 pés ( cerca de 46 metros de altura ), despejam água sobre as áreas previamente determinadas. Por questões de segurança, as equipes de bombeiros e brigadista que atuam no solo evacuam a área antes da dispersão de água. Pode ser realizado um lançamento de toda carga, que pode chegar a 12 mil litros de água, ou ainda três lançamentos menores.


258 visualizações